Ás suas marcas
ASSINADO LIVRE
BANDEIROLA
Editorial
Equipe CAT Maré
ESPELHO D'AGUA
Habilidades
PERFIL
PLACAR ELETRÔNICO
REVEZAMENTO
TRAMPOLIM
SOBRE A EMPRESA
ARQUIBANCADA
 

DENTRO E FORA D'ÁGUA...

Dentro e fora d’água...

Após um período sem entrevistas, o “ARQUIBANCADA” volta com dois personagens da natação de Barbacena, em 2017.

Um deles foi aluno, atleta e, atualmente, é professor e técnico no CAT Maré: Prof. Fernando Aquino Silva.

O outro, o grande destaque da natação de Barbacena em 2017, Vitor Silva Souza, Bi-Campeão Estadual na prova dos 200m nado Costas.

 

Ambos tem em comum a familiaridade, sendo Fernando tio do Vitor.

 

O  “ARQUIBANCADA” bateu um papo interessante com os dois.

 

 

- ARQUIBANCADA: Prof. Fernando, você está ligado às atividades do CAT Maré há muitos anos. Como esta convivência começou ?

Prof. Fernando: sim,como muitas crianças foi por causa de doenças como sinusite, rinite e por isso que conheci a natação e o CAT Mare.

 

- ARQUIBANCADA: Vitor, quantos anos tem, e onde estuda ?  Como, e quando, começou suas atividades na água ?  

Victor: tenho 13 anos,estudo no Centro Educacional Aprendiz, Comecei a nadar por incentivo do meu tio Fernando. Faço natação desde os 2 anos de idade.

 

- ARQUIBANCADA: O Prof. Fernando tem um apelido: “CACHACHA”, pelo qual é tratado, carinhosamente, por todos, alunos, professores, funcionários e e pais de alunos . Muitos questionam o apelido, ligado à bebida. Mas, não tem nada a ver esta relação. O próprio Fernando explica:

Fernando: o apelido vem da época em que eu era criança e tinha a língua presa. Quando o grupo de nadadores descobriu, pedia para falar algumas palavras. Uma delas era cachaça. Eu falava “cachacha”, e por isso ficou esse apelido até hoje. Tudo por causa da língua presa.

- ARQUIBANCADA: Prof. Fernando, qual sua formação acadêmica e, porque trabalhar com Natação, especificamente ?

Fernando: sou graduado em Educação Física, Pós-Graduado em Fisiologia do Exercício e em Treinamento Desportivo. Tenho, ainda, especialização em Clubes Especiais.

Fui atleta desde a minha infância... gostei do esporte através do Prof. Barão. Foi com ele que aprendi varias coisas na minha vida que leva ate hoje como disciplina e dedicação. Através disso, esses incentivos do Prof. Barão, é que me incentivaram a me formar em Educação Física.

- ARQUIBANCADA: Num país onde o futebol predomina entre as preferências, queremos saber do Vitor, porque a natação ?

Victor: porque eu adoro o esporte – natação –  e vejo vários astros” da natação, que me incentivam a todo momento que estou na água treinando.

 

- ARQUIBANCADA: Barbacena já teve muitas modalidades campeãs regionais, estaduais e até nacionais. Também já formou atletas de alto nível para vários esportes. Hoje vê esta formação de atletas restrita a pouquíssimas modalidades. No entanto, a natação do CAT Maré, entra ano, sai ano, sempre apresenta, pelo menos, um nome, quer como destaque na natação estadual, quer na natação nacional. A que você atribui esta condição ?

Fernando: atribuo, primeiramente, à metodologia criada pelo Prof. Barão, onde damos sequências a todo um processo pedagógico constante nessa metodologia. Além disso, o espaço físico do CAT Maré é bom.

Também, porque os treinos são de qualidade. Os profissionais que ali atuam, estudam muito para isso e, logicamente, pelos talentos de meninos e meninas que se propõem a praticar a natação no CAT Maré.

Por tudo isso, e pela renovação da natação, proposta e feita no CAT Maré, é que entra ano e sai ano, sempre surge algum nome de destaque a nível estadual e/ou nacional.

 

- ARQUIBANCADA: Vitor, quando você começou a treinar imaginava que iria chegar a ser campeão     estadual ?  Quando você percebeu que poderia chegar à essa condição ?

Victor: nunca imaginei mas, sempre fiz por merecer nos treinos para chegar a ser campeão. Percebi através dos meus treinos que estava melhorando.

- ARQUIBANCADA: Prof. Fernando, além do Vitor, tem novos nomes no CAT Maré para 2018 ? E como você vê a natação de Barbacena como um todo, em todos os níveis ?

Fernando: tem outros nomes surgindo e acho que 2018 vai dar muitos frutos. Entre outros, posso citar Gabriel Boa Vida, Sarah de Paula Domingos, Victor Gomes Costa, , ,

A natação de Barbacena esta sempre em destaque pois podemos comparar isso através dos resultados obtidos no ano de 2017: ficamos em as melhores cidades nos Jogos Escolares de Minas Gerais, que é uma competição estudantil; tivemos vários outros atletas sendo chamados para integrar a Seleção Regional Sudeste, para disputa do Campeonato Mineiro de Seleções Regionais, para atletas vinculados, comemorativo aos 80 anos da Federação Aquática Mineira – FAM. Tivemos, também, uma natação muito forte na categoria Master, que são atletas acimas dos 20 anos e podem chegar ate os 90 anos. Nossos resultados foram expressivos nos anos de 2015 e 2016, onde fomos campeões estaduais integrando a equipe do Clube do Remo, de Cataguases e em 2017 ficamos em terceiro. Por fim as conquistas do Vitor fecharam com chave de ouro o ano de 2017. Então, podemos dizer que a natação esta bem servida em Barbacena.

- ARQUIBANCADA: Vitor, qual sua expectativa e o que esperar para 2018 ? Quais suas metas ?

Victor: quero continuar tendo bons resultados, indo nas competições difíceis e bater os recordes que estão no Quadro de recordes do CAT Maré ate hoje. E, claro, melhorar mais, para ficar entre os melhores do estado.

 

- ARQUIBANCADA: Prof. Fernando, o que é mais difícil: fazer o treinamento ou ser o Técnico ? Porque ?

Fernando: os dois tem suas peculiaridades: fazer, aplicar o treino é difícil, pois temos que montar a parte teórica que é a interdependência entre volume x intensidade; o efeito da sobrecarga; os macro, meso e microciclos; etc... Como Técnico entendo que a  dificuldade é fazer o atleta a responder tudo que esta no papel, da maneira que você quer.

 

- ARQUIBANCADA: Vitor, qual sua mensagem aos jovens da sua idade que queiram praticar um esporte ou, especificamente, a natação ?

Victor: ...  que quem acredita sempre alcança... que se for fazer a natação, procure se empenhar e fazer por merecer. Você pode ser um atleta espetacular.

 

- ARQUIBANCADA: Prof. Fernando, a prática de esportes sempre foi uma ferramenta importante para formação do indivíduo, como um todo. No entanto, esta prática ficou muito limitada, principalmente, por parte dos adolescentes. Por sua vivência, como aluno, atleta e Professor, que mensagem você deixa para os jovens ?

Fernando: sempre pratique esporte, porque é através do esporte que você aprenderá varias lições para suas vidas, além de carregar uma carga fisiológica que vai lhe proporcionar uma boa saúde por toda sua vida.

 

 

     

Rua Bancário Paulino de Oliveira, Nº 583, Centro.
( Abaixo do Banco do Brasil)
Barbacena, MG

contato@catmare.com.br

-